sexta-feira, 3 de março de 2017

# 256


Fotografado em dezembro 2013, em Lisboa, pela Maria do blogue Era uma vez uma nêspera

Como se vê pelo braço estendido (com corpo de fora) que a imagem mostra, alguém aproveitava a deixa para se declarar.



5 comentários:

Rui disse...

Sem dúvida que "palavras, leva-as o vento" ! ... Nado como deixar escrito, preto no rosa !
Ou então ele/ela (?) estava com receio de pronunciar a palavra e limitou-se a apontar com o dedo !
:))

JOTA ENE ✔ disse...

Se a fotografia falasse, possivelmente se constataria que seria dois em um (amo-te). Assim sendo, em registo fotográfico, ficará para memória futura.

Bom click, Maria !!!

Elvira Carvalho disse...

Alguém com sentido de oportunidade.
Abraço e bom fim-de-semana

Os olhares da Gracinha! disse...

Gosto desse braço...apontando!
Será pra quem!?...bj

Ana Freire disse...

Uma imagem repleta de focos de interesse...
Gostei!
Beijinhos
Ana